Lei de Briffault

“A fêmea, não o macho, determina todas as condições da família animal. Onde a mulher não pode derivar nenhum benefício da associação com o homem, tal associação não ocorre. ”

– O benefício anterior fornecido pelo homem não permite uma associação contínua ou futura.

– Qualquer acordo em que o homem forneça um benefício atual em troca de uma promessa de associação futura é nulo e sem efeito assim que o homem tiver fornecido o benefício

– A promessa de benefício futuro tem influência limitada na associação atual / futura, com influência inversamente proporcional ao tempo até que o benefício seja concedido e diretamente proporcional ao grau em que a mulher confia no homem.