Como mudar o mundo

É inútil tentar mudar a sociedade. Mas se não tentarmos mudar a sociedade, como podemos torná-la melhor? O mundo inteiro então será apenas um grande caos?

Do que a sociedade é composta? Edifícios, música, arte, idioma, governos?….todos esses precisam de pessoas para existir. Sem as pessoas, não haveria sociedade.

Como u ser humano vivo, você é parte integrantes de uma sociedade, e a mudará em um grau, por menor que seja, quando você morrer. Você já está mudando isso através de sua mera existência, mas tentar mudar a sociedade diretamente através do esforço consciente é fútil.

O problema de se tornar um ativista para mudar uma sociedade quebrada é que quase sempre é feito por uma pessoa quebrada também, então a ideia de mudar a sociedade acabada sendo apenas uma maneira de procrastinar mudar à si mesmo.

Seus problemas, vícios (mau hábitos) são muito difíceis de resolver, mas é fácil apontar para outras pessoas sobre como viver. O impulso da vaidade de se tornar famoso ou influente não pode competir nem mesmo as melhores pílulas sexuais ou antidepressivas, e no final tem um caso do cego guiando outro cego.

A única maneira infalível de mudar a sociedade é tornar-se a melhor pessoa possível. A sociedade então muda automaticamente quando você muda, já que você é parte do todo. Se livrar dos seus medos, vícios e negações, a sociedade melhorará.

Até la, qualquer tentativa de mudar os outros é apenas uma maneira de atrasar ou adiar sua própria mudança. Isto é bastante óbvio com os especialista (ativistas) da internet; eles não se importam com o seu vizinho, mas são ativistas daqueles quem vivem bem longe deles e nunca viram pessoalmente.

Não lhe direi por qual padrão de moralidade viver.

Uma sociedade cheia de pessoas que querem mudar o mundo muito provavelmente levaria o mundo ao caos e ao desastre.

Certamente compartilharei minha opinião como estou fazendo agora, mas não farei uma cruzada para salva aqueles que não me pediram para ser salvos.

Eu pretendo viver por várias décadas mais. Usarei esse tempo para enfrentar meus demônios remanescentes enquanto compartilho o que sei com as pessoas que querem me ouvir, mas não tentarei mudar o mundo. Sei que, se me tornar o melhor homem que puder, e ser franco e honesto com o que fiz, a sociedade melhorará dez vezes mais do que se eu tentar colocar minhas opiniões e teorias em pessoas que não querem ouvi-la. Não haverá argumentos, nenhuma persuasão e nenhum debate, apenas uma jornada individual, e espero que seja bem sucedido nisso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *