Espírito Masculino

A vontade de lutar

Em menor número, sem armas, cercado com nenhuma esperança de sobrevivência. Morte ao seu redor, consumindo você. Sua mente focada como um laser na sobrevivência. A única coisa que você tem é o que está dentro de você. Punhos, facas, armas, são apenas extensões da vontade. Ferramentas. Ferramentas que são inúteis sem o espírito de luta dentro de você. E então você passa a entender o poder da violência e da vontade.

A vontade de lutar é o que dá vida ao espírito masculino. Anima o coração do homem e inflama a sua paixão.

Aceite, abrace o seu guerreiro interior.

Adoramos histórias de grandes guerreiros. Mesmo em nosso cinema moderno em decomposição, ainda temos filmes sobre o heroísmo do homem contra grandes adversidades. A história dos bravos espartanos contra as hordas persas ainda reluz nos corações dos homens em todo o globo.

Há algo dentro do homem que está ciente da hostilidade da natureza. Subjacente à existência da competição feroz e luta. O vulcão da natureza humana, disfarçado por um leve verniz civilizatório.

Um macho que não sentir esse pulsar, de sua energia interna de guerreiro não é um homem. Sua função foi corrompida pela sociedade, religião ou alguma outra coisa cancerosa. Isto não quer dizer que a religião ou sociedade em e de si mesmos são cancerosos, simplesmente muito de suas manifestações modernas são.

Simplesmente estou dizendo abraçar esse poder, essa energia primal, da necessidade de sobrevivência, da necessidade de violência, e guerra. E usá-la em seu favor. Tudo isso dará um enorme poder em suas ações e conduta, palavras são valiosos, mas se comparadas com a ação seu valor é miserável. Ação é o que separa os homens dos meninos.

Essa energia primitiva masculina é o que afirma ao mundo o lugar de direito dos homens como reis da natureza.

Pior que a morte

A sobrevivência é uma necessidade profundamente enraizada.

No entanto ao longo dos tempos, existem muitas coisas que os homens têm valorizado mais do que a sobrevivência. Ou seja, honra e orgulho.
Duas coisas que todos os homens têm em si mesmos.
Hoje em dia os machos sacrificam sua dignidade por dinheiro ou pior ainda, a aprovação das mulheres ou da sociedade.
Eles perderam este espírito e por isso perderam o que os torna homens.
Eles perderam sua essência.

Perder sua masculinidade é pior que a morte.
No final, é só você e a sua masculinidade.
Viver uma vida que vale a pena viver. Viver uma vida cheia de orgulho e vigor. Abrace sua masculinidade e seu espírito de luta.

Até breve, Jhonny Nergal

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll Up